Crônicas de Amaya

O Despertar de Eliseu

A realidade é volátil e manipulável nas mãos dos despertos. Eliseu se tornou um deles de uma forma bastante peculiar.

A Regência de Marco

O antigo braço direito agora é a cabeça sobre a qual pesa a coroa da Garoa Noturna. Logo em seu primeiro dia ele fez o que alguém como ele faria sem pestanejar.

Um Cigano na Garoa Sangrenta

“Bonito demais para morrer e insano demais para não viver ao extremo. Quando você perde seu contratante, é preciso ganhar a vida de um jeito arriscado.” – Lipe

A ascensão de Lilyth

Séculos de história culminaram em um final tranquilo. Para alguém que sonhava com a eternidade, ela agora é livre para fazer o que bem entender.

Protocolo Fogo no Parquinho

O que esperar da sabedoria insana de uma mente Malkaviana? Tudo o que Dimitri sabe é que deu certo e que algumas pessoas encontrariam a morte final.

Rebeldes com causa

Seguir regras não faz o estilo dos Anarquistas, mas, com a ajuda de um financiador, eles darão início à Revolução.

Acordos velados

“Lembre-se que, por causa deste favor, você me deve a sua existência porque o que você tem não pode ser chamado de vida.” O que fez com que a Ventrue devesse a própria vida ao Toreador? Confere aí!

O abraço de Alice

Na vida, nem tudo sai como o planejado e ter o controle de tudo é impossível. Ainda assim, sempre é possível buscar a perfeição.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑