Arcos paralelos: dicas para desenvolver NPC’s

Os personagens dos jogadores movem a história que está sendo construída em qualquer mesa de RPG. Tudo o que o jogador que assume o papel de narrador deve fazer é apresentar os problemas para que sejam resolvidos e alguns, senão muitos, desses problemas são causados por NPC’s. No entanto, nem todos os personagens controlados pelo narrador precisam ser maus e cruéis, mas esses arquétipos de personagens certamente deverão existir para tornar a história mais emocionante.

Causar emoção nos jogadores é uma das funções dos NPC’s de uma aventura e isso deve acontecer de forma planejada e aos poucos. Por isso é necessário que narradores prestem atenção no que motiva os jogadores.

Todos os personagens que o narrador controla precisam ter um começo, um meio e um fim assim como os personagens dos jogadores. Só que, desenvolver o arco de um personagem não jogável durante uma mesa de RPG pode ser complicado, mas eu posso te ajudar. Eu listei algumas dicas de como desenvolver ações de NPC’s em arcos que existem paralelos com a história principal. Sem mais delongas, vamos nessa que vai ser bom à beça.

Crie missões secundárias

Um NPC comum pode ser um personagem bastante simples e não precisa ter muito mais do que um nome para cumprir com o seu papel em algum evento da história. O personagem pode precisar recuperar um item, talvez ele precise de comida ou apenas chegar em segurança do ponto A ao ponto B. Com algo simples é possível criar um NPC memorável.

Suponhamos que um mercador foi assaltado a poucas horas de chegar a um entreposto e que ele teve todas as suas mercadorias roubadas. Ele está desesperado porque é a única maneira de ele sustentar a própria família. Então ele pede para que o grupo o ajude e que ele pode oferecer alguns dias de rações de viagem para que eles prossigam com a sua jornada. Simples e funcional.

Inclua os NPC’s na história

Durante uma campanha de RPG é bastante comum que os aventureiros conheçam pessoas e que formem laços, sejam ele bons ou ruins. No caminho é possível que aliados e inimigos apareçam e esta é uma excelente oportunidade de torná-los relevantes para toda a campanha. Isso pode partir tanto do narrador que pode apresentar o papel do NPC ou do jogador que considerar o NPC interessante.

O segundo exemplo aconteceu em uma mesa que eu narrei. A guilda estava se encaminhando para investigar o quarto de um professor de necromancia que se tornou um Lich pouco tempo depois que sua aluna foi responsável pela propagação de uma doença. Para retirarem evidências, eles precisariam conversar com o guarda responsável e anunciar o que estavam levando para continuar suas investigações. Uma jogadora ficou interagindo com o guarda de forma amigável e ele se tornou um aliado para a guilda.

Torne os NPC’s uma constante

Seja o NPC um poderoso aliado ou um inimigo consideravelmente perigoso, eles precisam permanecer presentes para cumprir seus objetivos que caminham paralelos aos objetivos que o grupo de aventureiros deseja alcançar. Uma vez que o NPC caminha ao lado ou contra o grupo, você pode colocá-lo em momentos oportunos para você e inoportunos para os jogadores.

Quando um momento de calmaria acontecer entre uma parte da aventura e outra, você pode colocar elementos que demonstrem a movimentação dos vilões por meio de cenas que acontecem antes, durante ou depois das ações que os jogadores estão fazendo, demonstrar que o NPC esteve no local antes dos jogadores ou fazer com que eles se encontrem em um local no qual todos devam permanecer neutros.

Apresente os objetivos dos NPC’s

Alguns personagens secundários a história podem não ser tão secundários assim. O mundo de fantasia, assim como o mundo real, pode dar muitas voltas e tornar as coisas um pouco mais intensas em meio de algo que muitos chamam de “colocar as cartas na mesa”. O que fazer quando um aliado apresenta seus objetivos enquanto você está descobrindo como seus inimigos atuam?

Uma vez que os planos de um aliado ou parte das ações dos inimigos são expostos, um novo leque de possibilidades se abre diante dos jogadores. Eles estão prontos para tomar novas decisões, rever estratégias e traçar caminhos para que eles alcancem tanto seus objetivos pessoais quanto os objetivos da campanha. Uma vez que os NPC’s estejam alinhados ou não com o grupo, os jogadores podem decidir como lidar com cada um deles.

Use NPC’s como consequências

É normal que os jogadores de RPG se esqueçam de fazer algumas coisas que se propuseram a fazer para algum personagem e isto pode, e deve, gerar consequências para as histórias. Um NPC que surge por meio das consequências das ações dos jogadores pode ser uma lâmina de corte duplo. De um lado pode se tornar um aliado porque ao menos o grupo tentou ajudá-lo e ele ajudará o grupo, mas apenas se receber algo em troca. Em contrapartida, o personagem pode se tornar um inimigo que sabe como o grupo atua em detalhes.

Muitas coisas acontecem em uma história de RPG e isso acaba deixando o grupo sem saber para onde ir. Isso torna o mundo vivo e demonstra que as coisas se resolvem sozinhas. Se um NPC que contratou o grupo não tiver notícias sobre os membros, ele pode resolver as coisas por conta própria podendo encontrar o grupo no futuro com algumas histórias para contar ou para realizar um acerto de contas.

Quando se trata de NPC’s em uma história de RPG, as possibilidades de criação, de motivações e de origens são infinitas. Desde um personagem que precisa de ajuda até alguém que possua sede de vingança. Personagens secundários podem se tornar pessoas importantes para os personagens dos jogadores que, de um jeito ou de outro, podem se apegar aos NPC’s da história. Ter em mente que NPC’s possuem uma vida, sentimentos, motivações e que agem e reagem a tudo o que acontece ao seu redor é a chave para tornar as suas mesas totalmente inesquecíveis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: